Se praias de areia branca, água azul turquesa quente, palmeiras e muito sol são os ingredientes indispensáveis da sua lua-de-mel de sonho então as Maldivas são um destino a não perder!

O Casarcomgosto também gosta de viajar e vai partilhar convosco a sua experiência inesquecível nas Maldivas!

Um das vantagens de ir para sítios com uma temperatura média acima dos 28 graus é que não é preciso levar mais do que uma mala, mas mesmo assim convém não esquecer:

  • protetor solar com índice de proteção máximo e uma loção after sun. O sol equatorial é bem mais forte do que estamos habituados, e nem mesmo  todo o protetor do mundo consegue evitar os escaldões durante as horas de maior calor. Convém mesmo evitar exposição ao sol nessa altura e dentro de água convém ter também cuidado. No final do dia depois de um banho nada como hidratar a pele com uma boa loção para nos sentirmos como novos.
  • equipamento de snorkeling, máscara, respirador e barbatanas são indispensáveis, até porque o aluguer diário nos resorts não fica por menos de 15 dólares.
  • câmara fotográfica, se possível com uma câmara estanque para tirar fotografias debaixo de água. As câmaras de desporto, muito em voga são também uma hipótese a considerar. O importante mesmo é não perder nenhum momento inesquecível, para mais tarde recordar.
  • passaporte, sabendo de antemão que no máximo só se pode ficar um mês nas Maldivas em turismo;
  • roupa fresca, leve e prática, sem esquecer um ou outro vestido, no caso das senhoras e uma camisa, no caso dos homens,  para aquele jantar romântico à luz das velas na praia;
  • óculos de sol e chapéu,  se bem que colocar um chapéu de palha na mala não é tarefa fácil;
  • repelente de mosquitos, não existem muitos mosquitos nas Maldivas mas nunca se sabe.
  • sapatos? Deixem isso para os restantes 350 dias do ano. Para praias exóticas, nada melhor que andar descalço, de chinelos ou sandálias.

Com a mala pronta, só falta mesmo levantar voo, e fazendo o check-in online apenas é necessário chegar 90 minutos antes da descolagem.

13 horas de voo parece demasiado aborrecido, mas com a quantidade de filmes, alguns ainda a passar no cinema, mais séries de TV que a Emirates Airlines disponibiliza, nem se dá pelo tempo a passar. Convém é ir com o estômago preparado para alguns pratos mais condimentados que são servidos, mas faz tudo parte da experiência.

Como foi a nossa primeira viagem, ainda tivemos direito a uma Polaroid de recordação do nosso primeiro voo na Emirates Airlines, o que torna sempre tudo mais especial.

Depois de uma escala no Dubai, estamos a umas meras 4 horas do paraíso e a ansiedade de chegar começa a aumentar… À medida que nos aproximamos de Male, apercebemo-nos da imensidão de ilhas e atóis que existem e num ápice estamos a aterrar numa pista em cima de água, com o mar a escassos metros.

A primeira sensação quando saímos do avião é o ar quente, sufocante, húmido e demoramos alguns minutos até nos habituarmos, o tempo suficiente para que o barco que nos irá levar à ilha chegue.

Uma hora depois finalmente chegamos e a lua-de-mel torna-se real! A praia branca, a água cristalina,  o calor abrasador e uma imensidão de palmeiras para nos refugiarmos, num cenário romântico perfeito.

A ilha de Meerenfushi tem o tamanho ideal para passeios românticos à beira-mar e numa hora e meia, dá-se tranquilamente a volta à ilha. Isto se não pararmos para observar toda a nova natureza que está perante nós.

Desde caranguejos eremitas lutando por uma concha maior, a caranguejos brancos bebés a correr velozmente pela areia, morcegos a dormir em árvores, lagartos de vários tamanhos, flores nunca vistas, tudo é uma novidade a dois, pronta a descobrir.

Se a natureza não for suficiente o resort tem também várias atividades disponíveis, como passeios de barco diários ao pôr-do-sol ou a reefs para fazer snorkeling, caiaques gratuitos ou até mesmo visitas a outras ilhas.

E se o dia tiver sido demasiado cansativo existe sempre um SPA , onde podemos relaxar com uma massagem para casal.  Ou então simplesmente ficar na praia e contemplar o pôr-do-sol maravilhoso, com tonalidades invulgares que vão preenchendo o céu.

O difícil é dizer adeus às Maldivas!

 

Posts Relacionados: